Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017
Maranhão

CORAL MANANCIAL DE LOUVOR, 79 ANOS DE LOUVOR EM SÃO LUÍS

Publicada em 30/10/17 as 18:52h por Rádio Jovem10 - 28 visualizações


Compartilhe
   

Link da Notícia:

 (Foto: jacorodriguessantiago.blogspot.com.br)
A história dos corais, trás ao nosso conhecimento o início difícil, as lutas para o desenvolvimento do grupo, porém, e, sobretudo as vitórias alcançadas. Infelizmente, muitos corais pelo Brasil a fora, estão parados, suas vozes não abrilhantam mais os cultos, mas, outros conseguiram sobreviver como é o caso do CORAL MANANCIAL DE LOUVOR, o mais antigo grupo musical do Templo Central da Assembleia de Deus em São Luís (MA), que há quase oito décadas presta um valioso serviço para o reino de Deus. A igreja na capital maranhense tem como líder o Pastor José Guimarães Coutinho. 

            

O Coral Manancial de Louvor foi fundado no dia 11 de março de 1938 em um culto de domingo à noite. Na época presidia a Igreja o Pastor José Bezerra Cavalcante, tendo como organizador e primeiro regente, o seu filho Josué Bezerra Cavalcante.

No dia 06 de março de 1938, numa terça-feira às 19h30min reuniu-se a mocidade e mais algumas pessoas casadas para efetivarem a anunciada organização e ensaiar o primeiro hino a quatro vozes, o hino escolhido para início do coral foi o de número 383 do Cantor Cristão "SATISFAÇÃO", o hino cujo refrão diz: "Metade nunca se contou, do amor de Deus Jeová".

Naquele tempo ainda não existia o nosso hinário (Harpa Cristã) com música, o hinário "Coros Sacros" não era conhecido e era publicado em panfleto. Havia grande dificuldade em conseguir hinos apropriados para o canto coral uma vez que não existia livraria evangélica na cidade. Para solucionar o problema, o regente Josué Cavalcante, que já tinha o "Cantor Cristão", tomou emprestado de um irmão presbiteriano o hinário Salmos e Hinos e com isso foi criando o repertório do coral. Depois de organizado o coro, os componentes ficaram assim distribuídos: (Vale a pena relembrar dos nomes)

Sopranos: Maria Oliveira, Otalina Bezerra, Engracia Pinho, Dolores Santos, Terezinha Santos, Eunice Pereira, Judite Leite, Ester Leite, Elvira Gomes, Benedita.
Contraltos: Maria de Lourdes, Lúcia Adler, Rute Garcia, Maria Neves, Argemira Pereira (Zizi).
Tenores: Pedro Militão, José Santos, Simão Pires, Manoel Lopes, Severino Sousa, João Chaves.
Baixos: Josué Bezerra Cavalcante, Aldenor Pires, André Azevedo Santos, Paulino Chaves. Perfazendo um total de 25 componentes.

Convém salientar que, levando-se em consideração o tamanho da igreja e a exigüidade do salão de cultos, esse coro era muito grande representando 20% do espaço ocupado. A sua estréia em 11 de março de 1938 foi causa de grande admiração e de nota predominante em toda a igreja. O pastor ficou muito satisfeito não só pela vida e brilhantismo que o coro dava aos cultos, como também ver o seu filho ocupando no trabalho do Senhor Jesus.

O maestro Josué Bezerra esteve à frente do coral por quase seis anos e por motivo de trabalho foi transferido para Belém do Pará. No dia 02 de outubro de 1943 despediu-se da igreja e do coral em São Luís, deixando como seu sucessor, Pedro Militão Mendes, seu aluno, jovem inteligente e aplicado em teoria e solfejo musical. O irmão Militão esteve à frente do coral de 02 de outubro de 1943 a 10 de abril de 1961 o dia que o Senhor chamou para o descanso eterno. Período áureo do coral, sendo este o único grupo de cântico da Igreja, muitos componentes participavam do coral.

Em 1961, após o falecimento de Pedro Militão, assume a regência do coral o maestro Lázaro Costa permanecendo até início do ano 1968, período em que o coral continuou crescendo e glorificando o nome do Senhor Jesus através do louvor. Com o crescimento da igreja em São Luís, o surgimento de novas congregações, o coral da igreja serviu de estímulo impulsionando o surgimento de outros corais na capital e outras cidades do interior, sendo este o pai de todos os corais da AD maranhense. Nesse período o coral participava ativamente dos trabalhos evangelísticos da igreja, inclusive em programas radiofônicos ao vivo sob a direção do saudoso Pastor Estevão Ângelo de Souza. Também o grupo chegou a gravar um disco, porém a gravação não chegou a ser divulgada. No início 1968, Lázaro Costa mudou-se para o Rio de Janeiro e em seu lugar assume a direção do coral o regente Paulo Teixeira Souza, onde dedicou um total de 45 anos ininterruptos (1968-2013).

No ano de 1988, sob a direção do pastor Estevão Ângelo de Souza e do Regente Paulo Teixeira, foi celebrado, em um clima de muita alegria e fervor espiritual, o Jubileu de Ouro do Coral Manancial de Louvor, com encontro de corais das congregações, homenagens aos coristas e fundadores do Coral como irmã Judite Leite e Sant Clair Neves, sendo um evento marcante na história da igreja.

Convém ressaltar que somente no ano 2000 o Coral passou a ser chamado Coral Manancial de Louvor, pois antes era conhecido somente como Coral Central da Assembleia de Deus. A sugestão foi dada pelo atual líder da AD em São Luís, Pastor José Guimarães Coutinho.

No início do ano 2013 por motivo de problemas de saúde o maestro Paulo Teixeira ficou ausente e o co-regente do coral, o irmão Lino Oliveira assume a direção do início de 2013 até março de 2016.

Em fevereiro de 2014 chega ao Templo Central o maestro Wadson Fernandes Viana, jovem com formação superior em música e passa a auxiliar o irmão Lino Oliveira e desde marco de 2016 está à frente do Coral Manancial do Louvor, juntamente com o pianista Joel Tavares Silva trazendo um novo estilo para o Coral com música contemporânea, porém, mantendo as músicas clássicas.

Em outubro de 2016, o coral esteve presente no 36º FEMACO - Festival Maranhense de Coros, promovido pela Universidade Federal do Maranhão, sendo esta a primeira vez que o coral assembleiano participou.

Durante 79 anos, ininterruptamente, o Coral Manancial de Louvor vem abrilhantando os cultos e eventos especiais do Templo central da AD em São Luís e aonde é convidado para louvar Deus. Muitos são os frutos colhidos ao longo desta trajetória: frutos de louvor, frutos de conversão, de despertamento e de aproximação com Deus, a quem pertence toda Gloria, Honra, e todo Louvor. Infelizmente, ainda não conseguimos um vídeo com apresentação do coral, para melhor ilustrar esse histórico. Fica me devendo prezado maestro Wadson Fernandes! rsssss....

Quero agradecer de modo especial ao diácono Istândio Pereira Rodrigues e sua filha Ester Oliveira pelo texto histórico e pelas fotos que me foram enviadas. Recentemente, tive a grata satisfação de recebê-los em minha casa. 
Parabéns ao coral maranhense, ao maestro Wadson Fernandes pelo bom trabalho que vem desenvolvendo e que o Senhor continue vos abençoando cada vez mais.

ANEXOS:                                                                                                           

              
           Templo Central da Assembleia de Deus em São Luís (MA)


                            

      

                            
                     

               Coral Manancial de Louvor, comemorando o Jubileu de Ouro, em 1988



                       
Pastor Estêvão Ângelo de Sousa, maestro Paulo Teixeira e esposa, e outros irmãos rodeando o bolo comemorativo do Jubileu de Ouro do Coral Manancial de Louvor


                   

                   


                  
         Coral Manancial de Louvor cantando no Templo Central em São Luís

                   
                   
                   
                    Pastor José Guimarães Coutinho e os antigos maestros 
                                                 sendo homenageados     
                     
                        Pastor Guimarães e o atual maestro, Wadson Fernandes Viana

                      

           Templo Central das Assembleias de Deus em São Luís (MA)


                        

                         

     Coral Manancial de Louvor participando do 36º Femaco, em São Luís (2016)







Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.







Nosso Whatsapp

 (98) 98484-7156

Copyright (c) 2017 - Rádio Jovem10 - RÁDIO JOVEM 10 - A RÁDIO DO MARANHÃO